A Chave Móvel Digital abre mais uma porta

A Chave Móvel Digital abre mais uma porta

Já está disponível uma nova forma de autenticação que vem facilitar o acesso ao Portal das Finanças.

A partir de hoje está disponível uma nova forma de autenticação que vem facilitar o acesso ao Portal das Finanças.

Os utilizadores da Chave Móvel Digital (CMD), já perto de 50 mil, podem agora aceder ao Portal das Finanças com o número de telemóvel e um pin de 4 dígitos.

A segurança, essa, é garantida através de um código de confirmação enviado através de sms gratuito para o seu telemóvel.

As finanças juntam-se assim à Segurança Social, Portal do Serviço Nacional de Saúde, Ministério da Educação, entre outros, que aderiram a esta nova forma de autenticação.

Uma única chave que abre várias portas.

Chave Móvel Digital, quem usa recomenda e assina por baixo.

Para quem ainda não tem a Chave Móvel Digital pode fazê-lo em autenticação.gov.pt ou dirigir-se ao Espaço Cidadão mais próximo.

 


 

Certificados de Aforro e Tesouro Poupança Crescimento disponíveis no Espaço Cidadão

Certificados de Aforro e Tesouro Poupança Crescimento disponíveis no Espaço Cidadão

Certificados de Aforro e Certificados do Tesouro Poupança Crescimento disponíveis nos Espaços Cidadão

Na véspera do dia Mundial da Poupança, os Certificados de Aforro e os Certificados do Tesouro Poupança Crescimento passam a estar disponíveis nos Espaços Cidadão.

Estes dois novos serviços resultam de uma parceria entre o IGCP e a AMA. Estão, numa primeira fase, disponíveis na Loja de Cidadão de Lisboa (Laranjeiras), Aveiro, Coimbra, Porto, Penafiel, Faro, Viseu, Braga, Setúbal e Vila Nova de Gaia.

Os Certificados de Aforro (Série E) têm um valor nominal unitário de 1 euro. Podem ser adquiridos entre 100 e 250.000 unidades com um prazo de 10 anos. A taxa de juro é indexada à Euribor a 3 meses, não podendo ser superior a 3,5% e inferior a 0%, e apresenta um prémio de permanência de 0,5% do 2º ao 5º ano e 1% a partir do sexto ano. Os juros capitalizam com uma periodicidade trimestral. O resgate antecipado (total ou parcial) pode ser feito decorrido o primeiro trimestre após a subscrição.

Os Certificados do Tesouro Poupança Crescimento têm um valor nominal unitário de 1 euro. Podem ser adquiridas entre 1.000 e 1.000.000 unidades com um prazo de sete anos. A taxa de juro é crescente, partindo de 0,75% no primeiro ano até 2,25% no sétimo ano. A estes valores acresce um prémio, a partir do 2º ano, indexado ao crescimento médio real do Produto Interno Bruto (PIB). Os juros vencem anualmente. O resgate antecipado (total ou parcial) pode ser feito decorrido o período de um ano após a subscrição, com perda total dos juros desde o último vencimento de juros até à data do resgate. 

Sátão já tem Loja de Cidadão

Sátão já tem Loja de Cidadão

A Loja de Cidadão de Sátão foi inaugurada esta sexta-feira, dia 13 de outubro, pela Ministra da Presidência ...

A Loja de Cidadão de Sátão foi inaugurada esta sexta-feira, dia 13 de outubro, pela Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, a Secretária de Estado Adjunta e da Modernização Administrativa, Graça Fonseca, e ainda o Presidente da Câmara Municipal de Sátão, Alexandre Manuel Mendonça Vaz. 

A Loja de Cidadão de Sátão é o resultado de uma parceria entre a Câmara Municipal de Sátão e o Governo, através da Agência para a Modernização Administrativa, tendo concentrado num mesmo espaço diversos serviços da administração central, nomeadamente a Segurança Social, as Conservatórias do Registo Civil, Predial e Comercial e a Autoridade Tributária, dispondo ainda do Espaço Cidadão.

Fica localizada na rua Dr. Hilário de Almeida Pereira n.º 27, nas antigas instalações da GNR, junto à Biblioteca Municipal.