Já abriu a Loja de Cidadão do Saldanha

Já abriu a Loja de Cidadão do Saldanha

Está situada no 1.º piso do Mercado 31 de Janeiro

Abriu ao público, no dia 2 de setembro, a nova Loja de Cidadão do Saldanha. Hoje, dia 4 de setembro, o novo espaço recebeu a visita da Ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva, do Secretário de Estado Adjunto e da Modernização Administrativa, Luís Goes Pinheiro, da Secretária de Estado da Segurança Social, Cláudia Joaquim e do Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina.  


A funcionar no 1º piso do Mercado 31 de Janeiro, próximo das estações de metro de Picoas e do Saldanha, a nova Loja conta com um horário de funcionamento das 9h às 19h, de 2ª a 6ª feira.


O atendimento presencial na capital do País fica reforçado, através dos balcões do Espaço Cidadão, Gebalis, Carris, EMEL, Finanças (AT), Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT), Instituto da Segurança Social (ISS), Espaço Iniciativa Lisboa – CML e Instituto dos Registos e Notariado (IRN). 


Atualmente existem 56 Lojas de Cidadão espalhadas pelo País, que traduzem os esforços de aproximação entre os diferentes serviços públicos e os cidadãos, numa lógica de atendimento mais próximo e eficiente.

 

20 anos de Loja de Cidadão no Porto

20 anos de Loja de Cidadão no Porto

No dia 1 de setembro de 1999, abria no norte de Portugal a Loja de Cidadão do Porto

No dia 1 de setembro de 1999, abria no norte de Portugal a Loja de Cidadão do Porto. A segunda Loja de Cidadão do País marcava, assim, a expansão geográfica de um novo conceito de atendimento, que vinha revolucionar o que era feito até então.


Passados 20 anos de muitas alegrias e algumas tristezas, mas sempre com enorme empenho e dedicação, estão de parabéns todos os que têm ajudado a construir diariamente este projeto.

Chegou o Selo que vem premiar as melhores práticas de Usabilidade e Acessibilidade

Chegou o Selo que vem premiar as melhores práticas de Usabilidade e Acessibilidade

Selo de Usabilidade e Acessibilidade que distingue as melhores práticas em sítios Web e apps da Administração Publica tem um novo site.

Em conjunto com a Declaração de Acessibilidade, o Selo ajudará a cumprir a Diretiva Europeia Acessibilidade dos Sítios Web e das Aplicações Móveis de Organismos do Setor Público e garantirá a aplicação das melhores práticas de Usabilidade, promovendo alterações nos sítios e apps da Administração Pública, tendo em vista a sua plena utilização por pessoas com deficiência ou incapacidade, permitindo a interação direta e autónoma destes cidadãos e promovendo o pleno exercício dos seus direitos fundamentais.
 
sítio do Selo surge em complemento da medida Simplex+ "Acessibilidade e Usabilidade Garantida para Todos", desenvolvida pela Agência para a Modernização Administrativa (AMA) e concluída a 30 de abril, com a disponibilização do Kit do Selo de Usabilidade e Acessibilidade.

O Selo de Usabilidade e Acessibilidade existe nas versões Bronze, Prata e Ouro e qualquer entidade da Administração Pública poderá candidatar-se a tê-lo no seu sítio web ou app, basta que cumpra os requisitos definidos no kit e nas checklists disponibilizadas.
 
O portal ePortugal foi alvo de assessment por parte da Equipa de Experiência Digital, Direção de Transformação Digital, e já tem o Selo de Prata. Este portal e o sítio do próprio Selo são os primeiros com essa chancela de qualidade, tendo o ePortugal sido referido como exemplo das melhores práticas de Acessibilidade e Usabilidade durante a iniciativa "Informação +Acessível".