Oito anos de Chave Móvel Digital

Oito anos de Chave Móvel Digital

A Chave Móvel Digital foi oficialmente criada a 23 de setembro de 2014.

Oito anos de Chave Móvel Digital

A Chave Móvel Digital foi oficialmente criada a 23 de setembro de 2014.

Em 2022, com apenas 8 anos, a CMD é um produto de utilidade inquestionável, premiada e reconhecida nacional e internacionalmente, com mais de 2,5 milhões de Chaves ativas.
A autenticação através da Chave Móvel Digital representa a forma de acesso mais simples e segura, permitindo a realização de serviços online e o acesso  a portais de entidades públicas e privadas ou setores empresariais, como a Banca, Telecomunicações, Energia, Saúde, Turismo, entre outros.

Através da associação do número de telemóvel ao número do documento de identificação e com a garantia do duplo fator de segurança, através de um PIN e de um código temporário enviado para o telemóvel, é ainda possível assinar documentos digitalmente, enquanto cidadão ou na qualidade das funções desempenhadas, ou ter os documentos de identificação no telemóvel, com toda a comodidade e segurança.

Sistema de Atributos Profissionais

Sistema de Atributos Profissionais

O SCAP permite-lhe autenticar-se e assinar enquanto profissional

Sistema de Atributos Profissionais

 

Através do Sistema de Atributos Profissionais (SCAP), os cidadãos podem autenticar-se e assinar documentos digitais na qualidade das funções que desempenham, sendo apenas necessária a associação prévia dos atributos profissionais através do portal autenticacao.gov.pt. Na prática, ao associar os atributos profissionais à Chave Móvel Digital, é possível assinar, não só enquanto cidadão, mas também enquanto profissional, como por exemplo um Engenheiro Civil ou um Arquiteto, que podem assinar projetos enquanto profissionais certificados, ou mesmo um dirigente público ou um administrador, que pode utilizar a sua assinatura digital enquanto profissional no exercício das suas funções.

 

De igual forma, também os funcionários públicos e os funcionários de empresas privadas podem autenticar-se e assinar documentos digitais, na qualidade das funções que desempenham. Dirigentes públicos, administradores, gerentes, diretores ou procuradores podem fazer a adesão e gestão dos funcionários que representam ou delegar em alguém essa tarefa. Para o efeito, é necessário que os mesmos associem os seus próprios atributos profissionais através do SCAP. Uma vez realizada esta associação, a assinatura e a identificação digital passam a estar disponíveis, sendo também possível descarregar o cartão de funcionário na aplicação id.gov.pt.

Minuto Cidadão está de regresso na próxima semana

Minuto Cidadão está de regresso na próxima semana

O podcast que faz a divulgação de serviços públicos e novos projetos vocacionados para cidadãos e empresas volta à Antena 1, no dia 22 de setembro

Minuto Cidadão está de regresso na próxima semana

Após a paragem durante o mês de agosto, o Minuto Cidadão está de regresso à emissão da Antena 1 na próxima semana, no dia 22 de setembro, com o tema da renovação automática do Cartão de Cidadão.

O projeto Minuto Cidadão tem como objetivo a divulgação de informação sobre serviços públicos e novos projetos vocacionados para cidadãos e empresas. Se não puder ouvir as emissões em direto que acontecem todas as quintas-feiras, a partir das 15h40, poderá ouvir cada episódio através da RTP Play e, também, do Spotify.

Dos 228 episódios já realizados e que estão disponíveis na íntegra nos dois canais digitais, já foram abordados temas como os pedidos de exames médicos por sms e e-mail, o registo de nascimento online, o pedido de alteração de morada, o pedido online do Certificado do Registo Criminal, o videoatendimento da Segurança Social, a app id.gov.pt, entre muitos outros temas.

Ligue-se ao Minuto Cidadão e fique a par das novidades sobre serviços públicos e novos projetos vocacionados para cidadãos e empresas.